2via boleto

Live nesta quarta-feira esclarece sobre MP 936/20 - Programa de manutenção de emprego e renda e sobre o novo decreto da Prefeitura

08042020-LIVE-DR-FERNANDO ooooook

Logo mais à noite! Acessem >> www.facebook.com/acipcdl.patrocinio

Nota técnica sobre uso de máscara caseiras

0404nota mascaras

Clique aqui e leia a íntegra da nota

 

Associados das ACIP/CDL participam de movimento de empresários que fez doação de marmitas a caminhoneiros

03042020-ApoioCaminhoneiros

Durante a semana empresários de Patrocínio mobilizaram-se nas redes sociais para arrecadar marmitas para doação a caminhoneiros que passam pelo município, num belo gesto de solidariedade, que contou com a participação e muitas doações de associados das ACIP/CDL.

Os motoristas de caminhão têm enfrentado muitas dificuldades por conta da pandemia do coronavírus ao encontrar muitos estabelecimentos nas estradas fechados ou funcionando apenas parcialmente.

A doação de cerca de 400 marmitas foi feita hoje no trevo da BR-365 contando com apoio no policiamento do 46º Batalhão de Polícia Militar e da Polícia Rodoviária Federal. As ACIP/CDL parabenizam a todos que participaram da iniciativa que foi recebida com enorme carinho e gratidão por todos os caminhoneiros.

 

ACIP/CDL pelo BDMG oferecem capital de giro com melhores taxas para os empresários de Patrocínio

01042020-POST-BDMG-CREDITO

Diante das dificuldades neste momento, as ACIP/CDL têm realizado diversas ações para apoio ao comércio local.

A partir das restrições do comércio, as ACIP/CDL em parceria com o BDMG estão oferecendo a todos os empresários locais as melhores taxas para Capital de Giro.

Prazos até 48 meses e taxas a partir de 0,47%.

Conseguimos carência de 3 a 12 meses para começar a pagar!

Fale com: Cleide ou Wellington pelo 3831-5500 - Ramal 8.

 

Prefeito atende pedidos das ACIP/CDL e Sindcomércio e envia à Câmara pedido de autorização para prorrogar prazo para pagamento do IPTU, ISSQN e taxas de alvará

CARLOS-ISABELA-WANDER

Presidente da ACIP Carlos Alberto Apolinário, presidente da CDL Isabela Rezende Cunha e presidente do Sindcomércio Wander Junior de Carvalho


Após diversas reivindicações das ACIP/CDL e Sidcomércio defendendo o comércio local, o prefeito Deiró Marra anunciou nesta segunda-feira (30/03) que enviou à Câmara Municipal pedido de prorrogação de prazos para pagamento de impostos municipais e as taxas de alvará. O anúncio foi feito por meio de vídeo nas mídias eletrônicas da Prefeitura Municipal.

"Hoje encaminhamos para a Câmara Municipal o projeto de lei para prorrogar por mais 30 dias o IPTU, o ISSQN e também nossas taxas de alvará. Ainda estou pedindo nesse projeto de lei que a Câmara nos autorize, se necessário, a prorrogar por mais 30 dias ou mais 60 dias, se não tivermos até lá um bom resultado desta crise", informou Prefeito.

No último dia 20/03 as diretorias das entidades enviaram ofício ao prefeito e depois se reuniram diversas vezes pessoalmente com o Executivo, solicitando prorrogação de prazos para que os empresários de Patrocínio possam ganhar um fôlego para pagar suas despesas uma vez que todos estão sofrendo com a crise ocasionada pelo coronavírus e as medidas restritivas ao comércio como prevenção à doença.

As ACIP/CDL e o Sindcomércio avaliam como positiva a iniciativa para minimizar os impactos econômicos. Essa união de “acordos” das entidades com o poder público visa contribuir com o empresariado local que gera emprego e renda para o Município.

oficio1

Vídeo do anúncio pelo prefeito >> https://www.facebook.com/watch/?v=3770542686349767

 

 

Alerta das ACIP/CDL e Sindcomércio aos empresários de Patrocínio! Decreto 3.678

30032020-OQUEPODE-NAOPODE-FUNCIONAR222222

Desde o último sábado, 28 de março, passou a vigorar o Decreto Municipal número 3.677, com atualização pelo Decreto 3.678 de 30 de março, que flexibiliza o funcionamento do comércio local durante a pandemia do coronavírus.

As empresas não declaradas de atividade essencial pelos demais decretos apenas podem trabalhar no sistema delivery e de portas fechadas, exceto as citadas nos decretos.

Informe-se através do 3831-5500 ou 3831-2268

E lembre-se de reforçar todas as medidas sanitárias também determinadas no decreto.

A fiscalização será exercida pelo Poder Público conforme legislação vigente.

decreto3678-2020

 

Após solicitações das ACIP/CDL e Sindcomércio, novo Decreto Municipal com regras para o comércio entra em vigor neste sábado

O prefeito Deiró Marra assinou nesta sexta-feira (27/03) o Decreto nº 3.677 que "regulamenta as restrições temporárias no comércio com potencial de aglomeração de pessoas para enfrentamento da situação de emergência pública causada pelo agente coronavírus (Covid-19)". O novo decreto entra em vigor a partir deste sábado, 28 de março.

Nos últimos dias as ACIP/CDL e o Sindcomércio enviaram ofícios e os diretores das entidades se reuniram com o prefeito solicitando uma flexibilização nas medidas de forma a viabilizar às empresas patrocinenses voltar a trabalhar, mesmo que em parte, mas sempre atendendo as medidas de segurança sanitária. Ambas salientaram a preocupação com a saúde da comunidade, mas também com as enormes dificuldades enfrentadas pelo empresariado local.

Na manhã de hoje, Deiró Marra concedeu entrevista coletiva na Prefeitura quando, ao lado da Diretoria das ACIP/CDL e Sindcomércio, anunciou as novas medidas. Quanto ao adiamento e parcelamento do pagamento de impostos e tributos municipais, também solicitados pelas entidades, disse que está em análise da viabilidade para posterior envio à Câmara Municipal.

CLIQUE AQUI e leia a íntegra do Decreto nº 3.677 

CLIQUE AQUI e veja as orientações da Assessoria Jurídica das ACIP/CDL quanto ao decreto 

CLIQUE AQUI e assista a um vídeo do advogado Dr. Fernando Bernardes, assessor jurídico das entidades, detalhando o conteúdo do decreto 

 

Diretores das ACIP/CDL e Sindcomércio se reúnem com o prefeito Deiró Marra

26032020-DiretoresReuniaoPMP

As ACIP/CDL e o Sindcomércio seguem trabalhando em conjunto em prol do comércio de Patrocínio.

Na tarde desta quinta-feira (26), o presidente da ACIP Carlos Alberto Apolinário, o presidente do Sindcomércio Wander Junior de Carvalho, a presidente da CDL Isabela Rezende Cunha e o vice-presidente das ACIP/CDL Diego Magalhães Gabriel estiveram reunidos na Prefeitura de Patrocínio com o prefeito Deiró Marra e sua equipe.

O prefeito está avaliando os ofícios encaminhados pelas entidades pedindo flexibilização nas medidas com relação ao coronavírus e no pagamento de impostos.

Deiró informou que vai publicar um novo decreto nesta sexta-feira e as instituições aguardam uma decisão favorável aos empreendedores patrocinenses.

 

ACIP/CDL e Sindcomércio pedem à Prefeitura de Patrocínio prorrogação de pagamento de impostos e flexibilização de medidas sanitárias pelo coronavírus

Em ato conjunto, entidades entregam ofícios ao prefeito Deiró Marra

Diante da dificuldade enfrentada pelo comércio de Patrocínio por conta das determinações de prevenção ao coronavírus (Covid-19) as ACIP/CDL e o Sindcomércio promoveram uma ação em conjunto esta semana para solicitar à Prefeitura Municipal uma prorrogação e parcelamento no pagamento de impostos e tributos e flexibilização das medidas sanitárias.

No primeiro ofício entregue ao prefeito Deiró Marra foi solicitada carência nos prazos de pagamento e parcelamento de impostos municipais (incluindo o IPTU); de alvarás de localização e funcionamento; e o não bloqueio da emissão de Notas Fiscais de serviços, mesmo se empresa inadimplente.

“Temos observado que esta pandemia, além do caos na saúde, produzirá grandes e graves consequências econômicas. Precisamos que o governo municipal compreenda a luta do comerciante e do empreendedor local. Ao isentar ou prorrogar impostos (como IPTU, alvarás e outros), ajudará a manter saudáveis e fortes as empresas patrocinenses durante todo esse difícil processo”, opina a presidente da CDL Isabela Rezende Cunha.

No segundo ofício, as três entidades reforçam a preocupação com a pandemia, mas também ressaltam a importância da manutenção da economia do município, vital para a geração de emprego e renda. Assim, opinam ser muito rigoroso o Decreto Municipal nº 3675/20, que elencou as medidas restritivas ao comércio.

O pedido é para que haja flexibilização para que algumas atividades voltem a funcionar (tomando as medidas de segurança sanitária) e para que os demais segmentos voltem ao menos ao funcionamento interno, “respeitadas as regras sanitárias e o distanciamento adequado dos funcionários”.

A solicitação está amparada em deliberação do Comitê Extraordinário do Governo Estadual de 22 de março, que dá essa permissão.

“O comércio se compromete a cuidar da segurança sanitária, uma vez que estamos preocupados com a questão da saúde, pois a vida de todos precisa ser preservada, mas também necessitamos proteger as empresas que têm que ser resguardadas agora e quando esse momento de enorme dificuldade passar”, diz o presidente da ACIP Carlos Alberto Apolinário.

“Concordamos com as restrições, se realmente são benéficas à população, mas seguindo o Ministério da Saúde, vemos que uma parte do comércio pode trabalhar e foi isso que levamos a ele, baseados num estudo da Comissão do Governo Estadual que permite o funcionamento de várias atividades do comércio que a Prefeitura barrou. Isso dará um alívio para vender alguma coisa e trabalhar durante esse período”, explica o presidente do Sindcomércio Wander Junior de Carvalho.

De acordo com Carlos Apolinário, o prefeito informou que irá avaliar as solicitações das entidades nesta quinta-feira (26/03), mas que Deiró Marra garantiu que o decreto dele não será mais rígido que das cidades da região. “O prefeito nos disse que irá avaliar decretos de cidades como Patos de Minas, Paracatu e Uberlândia, por exemplo, para embasar sua decisão e equiparar o decreto ao dessas cidades”, finaliza o presidente da ACIP.

CLIQUE AQUI E VEJA O OFÍCIO DOS IMPOSTOS

CLIQUE AQUI E VEJA O OFÍCIO DA FLEXIBILIZAÇÃO

(André Luiz Costa | Decom ACIP/CDL)